Você está aqui: Página Inicial / Notícias / Perigo: Para quem você disponibiliza seus dados?

Perigo: Para quem você disponibiliza seus dados?

Perigo: Para quem você disponibiliza seus dados?

Roubo de Dados

Por Vinícius Perallis, 25/07/2014

Vivemos em um mundo onde a quantidade de dados armazenados dobra a cada 2 anos. Como assim?
Se em 2013 tínhamos 3.6 zettabytes, em 2015 teremos 7.2 zettabytes (Segundo pesquisa da IDC).

Você sabe quanto é um 1 zettabyte? Se você não sabe, imagine 250 bilhões de DVDs juntos.
Mas o fato de termos muitos dados não significa que possuímos muita informação.

O que é informação?
É um ou mais dados que faz algum sentido para alguém, mesmo se este “alguém” for um sistema computacional.
Buscar sentido dentro de um oceano de dados é o que todas empresas desejam atualmente, mas como elas fazem isso?

O primeiro passo é armazenar os dados: 

  • Clicks e buscas em sites.
  • Entrevistas corpo a corpo.
  • Preenchimento de formulários.
  • Ligações telefônicas e SMS.
  • Compras em supermercados e lojas.
  • Caminhar com o celular no bolso com o GPS ou internet ligada.
  • Publicações em redes sociais.


Dados coletados, o que vem depois?

Não são os dados que são bons ou ruins, mas sim a maneira de como eles são manipulados por pessoas ou empresas. A polícia pode usar os dados de uma pessoa da internet para ajudar a determinar se ela é pedófila ou não, os supermercados para fazer ofertas personalizadas, uma empresa de marketing para projetar o melhor lugar para oferecer seus produtos, e um criminoso para realizar uma compra com os dados de uma outra pessoa.

Devemos nos preocupar com nossos dados? Pois produzimos cada vez mais dados e os sistemas estão cada vez mais capazes de traduzir dados em informação.

Não se tomarmos os mesmos cuidados que tomamos com nossa segurança pessoal: 

  • Evitar andar por lugares suspeitos.
  • Possuir alarme e seguro em nossas residências.
  • Possuir os mecanismos de segurança para locomoção em nossos automóveis(cinto de segurança, Airbag, ABS), entre outros.
     

E com os nossos dados, quais os cuidados que você devemos tomar:

  • Não disponibilizar para pessoas ou empresas que não possam garantir a integridade e privacidade dos dados.
  • Possuir mecanismos de segurança de controle de acesso aos dados.
  • Possuir mecanismos de segurança ao transportar seus dados na rede.
      

Atualmente é impossível não gerarmos dados. Entretanto, podemos decidir para quem e como eles serão disponibilizados. 

 

Vinícius Perallis

Vinícius Perallis, CEO da Perallis IT Innovation